margin-top:300px; "A GLÓRIA DA SEGUNDA CASA..." POR THAIS FERREIRA: 2009

Oração é alimento


Um espírito com fome adoece!

Mesmo que o pecado, a maldição e a iniqüidade estejam sobre algum homem, a oração sempre será a sua maior aliada. Muitas vezes, a pessoa em pecado evita falar com Deus tentando omitir o seu erro. Isso porque em seu subconsciente ele acha que por estar em pecado Deus não vai recebê-lo ou ajudá-lo a se livrar daquela situação. A função de satanás é exatamente essa: Convencer o homem de que ele não tem mais oportunidades.

A estratégia do diabo, embora bem desenvolvida, é bastante simples: destruir o que Deus mais ama. Isso inclui a vida do ser humano em todos os sentidos. A humanidade vive um momento único na história do relógio de Deus: “A volta de Seu filho Jesus.”

Ora, Deus não permitiu que Jesus passasse horrores na cruz do calvário por pouca coisa. Ali, todas as forças espirituais do mal foram profundamente abaladas, caindo por terra todo o império do inferno. O véu se rasgou e com ele o direito do homem de se apresentar diante de Deus como filho.

É importante que o homem conheça os seus direitos diante de Deus para que possa se armar corretamente contra as investidas do diabo. Do dia do sacrifício de Jesus, em Jerusalém, no Gólgota, até aqui, satanás tem tentado, desesperadamente, fazer com que o homem não entenda o que de fato aconteceu quando Jesus gritou “ESTÁ CONSUMADO”. Ali ele perdia todo o poderio de morte e desgraça que até então tinha contra a imagem e semelhança de Deus.

A Palavra do Senhor afirma que o sangue de Cristo liberta de todo pecado. Se um homem se encontra em promiscuidade ou qualquer outro tipo de pecado, SEJA ELE QUAL FOR, precisa saber que: Todo poder e autoridade foi dado ao nome de Jesus. Isso significa dizer que é Jesus quem decide tudo pelo homem, não satanás.

O princípio da cruz foi o perdão, esse foi o propósito: perdão para salvação. É por essa razão que o homem nunca deve esconder do Senhor os desejos de seu coração. Ele quem sonda o pensamento mais profundo e os desejos mais íntimos. Quando o homem confessa a Deus os seus pecados e reconhece que somente ele pode salvá-lo, há salvação imediata e o trono de Deus se estabelece dentro desse coração.

A oração é nada mais nada menos do que isso: conversar e compartilhar com Deus, todas as coisas. Sejam elas de grande ou pequena importância, Deus quer saber de tudo pela nossa boca. É isso que faz aumentar a intimidade de Deus com o homem.

A diferença entre o céu e no inferno





Ele esteve lá ...

Conta-se que um poeta estava um dia passeando ao crepúsculo em uma floresta, quando de repente surgiu diante dele uma aparição do maior dos poetas, Virgílio. Virgílio disse ao apavorado poeta que o destino estava sorrindo para ele e que ele tinha sido escolhido para conhecer os segredos do Céu e do Inferno. Por mágica Virgílio transportou-se e ao poeta, ainda apavorado com experiência tão súbita, ao velho e mítico rio que circundava o submundo. Entraram em uma canoa e Virgílio instruiu o poeta para remar até o Inferno. Quando chegaram, o poeta estava algo surpreso por encontrar um lugar semelhante à floresta onde estavam, e não feito de fogo e enxofre nem infestado de demônios alados e criaturas nojentas exalando fogo, como ele esperava.

Virgílio pegou o poeta pela mão e levou-o por uma trilha. Logo o poeta sentiu, à medida que se aproximavam de uma barreira de rochas e arbustos, o cheiro de um delicioso ensopado. Junto com o cheiro, entretanto, vinham misteriosos sons de lamentações e ranger de dentes. Ao contornar as rochas, depararam-se com uma cena incomum. Havia uma grande clareira com muitas mesas grandes e redondas. No meio de cada mesa havia uma enorme panela contendo o ensopado cujo cheiro o poeta havia sentido, e cada mesa estava cercada de pessoas definhadas e obviamente famintas. Cada pessoa segurava uma colher com a qual tentava comer o ensopado. Devido ao tamanho da mesa, entretanto, e por serem as colheres compridas de forma a alcançar a panela no centro, o cabo das colheres era duas vezes mais comprido do que os braços das pessoas que as usavam. Isto tornava impossível para qualquer uma daquelas pessoas famintas colocar a comida na boca. Havia muita luta e imprecações enquanto cada pessoa tentava desesperadamente pegar pelo menos uma gota do ensopado.

O poeta ficou muito abalado com a terrível cena, até que tampou os olhos e suplicou a Virgílio que o tirasse dali. Em um momento eles estavam de volta à canoa e Virgílio mostrou ao poeta como chegar até o Céu. Quando chegaram, o poeta surpreendeu-se novamente ao ver uma cena que não correspondia às suas expectativas. Aquele lugar era quase exatamente igual ao que eles tinham acabado de sair. Não havia grandes portões de pérolas nem bandos de anjos a cantar. Novamente Virgílio conduziu-o por uma trilha onde um cheiro de comida vinha de trás de uma barreira de rochas e arbustos. Desta vez, entretanto, eles ouviram cantos e risadas quando se aproximaram. Ao contornarem a barreira, o poeta ficou muito surpreso de encontrar um quadro idêntico ao que eles tinham acabado de deixar; grandes mesas cercadas por pessoas com colheres de cabos desproporcionais e uma grande panela de ensopado no centro de cada mesa. A única e essencial diferença entre aquele grupo de pessoas e o que eles tinham acabado de deixar, era que as pessoas neste grupo estavam usando suas colheres para alimentar uns aos outros.

O cansaço da vida

‘’E não nos cansemos de fazer o bem, porque a seu tempoceifaremos, se não desfalecermos.’’ Gálatas 6:09

O cansaço é uma parte da vida. Cansaço é parte do ministério.Cansaço é algo que com certeza sobrevém sobre nós quando temos opropósito em nossos corações de fazer o bem aos outros. No entanto,a bênção maravilhosa de Deus é que ele nos renovará, nos sustentaráe nos reanimará. Ele faz isto através da palavra de encorajamentode um amigo.

Ele faz isto através da sua presença em nós, oEspírito Santo. Ele faz isto através de canções que animam nossocoração. Ele faz isto através das Escrituras e de oração. Então,quando nossos corpos e nossos corações estiverem cansados, nãodeixemos nossas mãos descaírem. Se nós servirmos com fidelidade,disciplina e integridade, a graça de Deus nos dará poder para fazero que Ele nos chamar a fazer.




Na fé Thais Ferreira

Espirito de Águia


A Águia

A Águia é usada como símbolo dos que no Senhor e nele confiam.
Verdadeiros cristãos são como águias:

Você pode ver pombos, andorinhas e outras aves voando em bandos, a águia não. Ficam lá do alto, olhando o azul infinito.
É do alto que vem o poder do cristão, e quando vem a tormenta as águias não se escondem. Abrem suas asas, que pode voar em altas velocidades, e enfrentam a tormenta, Elas sabem que as nuvens escuras, a tempestade, e os rios, podem ter uma grande extensão, mais lá em cima brilha o sol.


Nessa luta podem perder penas e se ferir, mas não temem e seguem em frente.
Depois enquanto todo mundo fica ás escuras embaixo, elas voam vitoriosas e em paz lá em cima. Mas as águias também morrem só que não se acham por ai um cadáver de águia.


Porque quando elas sentem que chegou a hora de partir, não se lamentam nem ficam com medo.Procura com os olhos o pico mais alto, tiram as ultimas forças do seu cansado corpo, e voam aos picos inatingíveis e ai esperam o momento final. Talvez por isso o profeta Isaías compara os que confiam no Senhor como Águias.

Nos também temos uma vida cheia de desafios eles podem, parecer impossíveis de ser vencidos, mais se lembre Descanse no Senhor, passe tempo mais com ele e depois parta para luta.
Temos que ter Espirito de Águia.


‘’Sabendo que a tormenta, brilha o sol... ’’


Na fé Thais Ferreira

Deus me ouve?



Muita das vezes achamos que nossa oração não passa do teto....

ou até mesmo que Deus não esta com seus ouvidos enclinados para nos ouvir...

Mas nunca lembramos que existe o tempo para tudo ...

As vezes Deus não nos dá aquilo que desejamos por saber que não estamos preparados para receber ou até mesmo para testar a nossa fé, a nossa perseverança..

Por isso confie em Deus e não pense que ele não esta te ouvindo pois ele sempre esta pronto para te ouvir e te responder... No tempo certo.

Reflitaa ..

Na fé Thais Ferreira

Minutos de Sabedoria


Não critique!

Procure antes colaborar com todos, sem fazer críticas.
A crítica fere, e ninguem gosta de ser ferido, e a criatura que gosta de críticar, aos poucos, se vê isolada de todos.
Se vir alguma coisa errada, fale com amor e carinho, procurando ajudar.
Mais, sobretudo, procure corrigir os outros, através de seu
''Proprio Exemplo...''


Lembre-se!
De que colhemos , infelivelmente, aquilo que houvemos semeado.
Se estamos sofrendo, é porque estamos colhendo os frutos amargos das sementeiras errôneas do passado.
Fique alerta quando ao momento presnte!
Plante apenas sementes de otimismo e de amor, para colher amanhã os frutos doces da alegria e de feicidade.
Cada um colhe, exatamente aquilo que plantou..


Não Deixe!
Que a calúnia o pertube,todos nós estamos sujeito á calúnia. Mas saiba superá-la, vivendo de tal maneira que o clunidor não tenha razão.
Não revide um ataque com outro ataque!
Não se magoe com o caluniador, Perdoe sempre.
Apenas viva de tal maneira, que jamais o calunidor tenha razão.


Embora sozinho!
Continue a caminhada, se todos o abandonarem, prossiga sua jornada.
Se as trevas crescerem em seu redor, mais uma razão pra que você mantenha acesa pequenina chama de sua Fé.
Não deixe que sua luz se apague, para que você mesmo não fique em trevas.
Ilumine, com sua luz, as trevas que o circulam.



Na fé,Thais Ferreira

Você fala que vai fazer e não faz

Você começa e não termina. Você fala que vai fazer isso ou aquilo e acaba não fazendo. Não é que as pessoas não acreditam mais em você… Você é o primeiro a desacreditar na sua própria força. Para que ter expectativas falsas consigo mesmo?


A revelação tem duplo efeito: sustentar a esperança da fé e devastar as dúvidas. Uma pessoa de fé é, por natureza, perseverante. Se você tem fé, persevera. Se você não tem fé, desiste. O que adianta ficar se enganando, dizendo que tem fé para isso e aquilo quando na hora do ‘vamos ver’ você desiste facilmente?


Os heróis da fé no passado foram heróis justamente por causa do tipo de fé que viviam. Eles passaram por grandes desafios e dificuldades, assim como vários outros homens e mulheres naquela época. Só que eles foram diferentes, nada fê-los desviar de seus objetivos. Sabiam que a ‘gravidez’ de seus sonhos tinha origem
no Trono de Deus.

Pessoas comuns, como você e eu, receberam as promessas por meio de revelações do Espírito de Deus. Foram inspirados e creram. Quantas vezes você tem sido inspirado em fazer algo, mas por causa do tempo, das pessoas, das condições, ou da sua opinião própria, você desistiu?
Cada revelação é uma nova inspiração, nova descoberta, novo mapa de uma nova mina.
Veja a vida por exemplo, ela depende da inspiração e expiração do oxigênio para manter-se viva.

Sem esse processo da natureza não há vida. O mesmo também se dá em relação à inspiração do Espírito de Deus aos Seus servos. As revelações Divinas são passadas aos discípulos por meio da inspiração da Sua Palavra. Em obediência à ordem do Senhor, os discípulos transferem tais revelações ao povo por meio da pregação do Evangelho. Isso é a expiração do corpo de Cristo.


Quem crê e é batizado recebe a vida eterna. Quem não crê… Muitos estavam ali e ouviram a mesma palavra, mas ela só foi revelada àqueles que decidiram crer e se batizar.




Na fé Thais Ferreira