margin-top:300px; "A GLÓRIA DA SEGUNDA CASA..." POR THAIS FERREIRA: Favos de mel - Acomodação

Favos de mel - Acomodação



Cada dia que passa aprendo mais e mais com Deus. Vou contar uma experiência que tive que com certeza ajudará alguém...

Como havia relatado em mensagens anteriores, tive um Encontro com Deus. Ocorre depois desse encontro comecei a pisar em favos de mel, comecei a não mais me esforçar como antes na verdade estava ‘’farta’’... Resultado.... Desânimo, sem forças, o diabo pintando e bordado e o pior de tudo isso... O silêncio de Deus!

Comecei a me questionar, questionar a Deus do por que aquilo estava acontecendo comigo... E a resposta que tive foi o SILÊNCIO!  Minha alma já estava começando a ficar agoniada diante de tudo aquilo, era uma agonia que parecia não ter fim. Depois de vários questionamentos comecei a raciocinar.... Tentar lembrar onde errei foi aí que me veio a resposta “Você está farta, não precisa mais de mim” duro ouvir isso de Deus né?

Pois bem, enquanto eu não suplicasse a Deus para tirar aquela agonia e prometer que voltaria a pratica das primeiras obras a agonia que estava em meu peito não iria sair... Me joguei no chão como uma criança e supliquei a misericórdia dele, estava em meio as lágrimas como quem quisesse o convencer se fazendo de coitada, quando ele duramente me repreendendo me disse “Para de chorar agora e faça o que tem que fazer” após isso me levantei e percebi que a agonia havia cessado.

Ainda continuo nesse deserto que eu mesma provoquei, claro sem agonia, mas o silêncio de Deus ainda reina e estou lutando para conquista-lo novamente, mas, contudo, pude aprender que NUNCA devemos parar de busca-lo mesmo que tenhamos alcançado “tudo” mesmo assim não alcançamos nada, pois no dia em que nos acharmos fartos e começar a pisar em favos de mel, certamente seremos arruinados!

Essa experiência me ensinou que para sempre vou ser dependente de Deus não importando a situação, a agonia que eu estava foi permitida por ele para me provar que não sou nada que não passo de pó!!! E de uma coisa é certa, a mão de Deus pesa e como pesa! Agora comecei novamente me ativar com meus propósitos de fé e creio que logo, logo conquistarei sua confiança.

“Recordar-te ás de todo o caminho pelo qual o SENHOR, teu Deus, te guiou no deserto estes quarenta anos, para te HUMILHAR, para te PROVAR, para saber o que estava no teu coração, se guardarias ou não os seus mandamentos” Deuteronômio 8:2

Na guerra,
Thais Ferreira

Nenhum comentário:

Postar um comentário